|

Infraero apresenta projetos e fala sobre oportunidades de negócio na Intermodal

Intermodal-2


Infraero apresenta projetos e fala sobre oportunidades de negócio na Intermodal ...

Entre os dias 5 e 7/4, a Infraero marcou presença na Intermodal South America 2016, abrindo para clientes e parceiros oportunidades comerciais e falando sobre projetos da empresa no setor de logística.

      Na abertura do evento, o presidente em exercício e diretor de Aeroportos da Infraero, João Márcio Jordão, falou sobre a implantação de condomínios logísticos nos aeroportos de Uberlândia(MG), Joinville (SC) e Recife (PE) como parte da nova política comercial e de logística de cargas da empresa. “É uma satisfação para a Infraero participar do maior evento de logística da América Latina. Administramos 60 aeroportos, 25 terminais de logística e buscamos na feira investidores com interesse em participar dos projetos de ampliação de capacidade dos nossos complexos aeroportuários”, declarou.

      No mesmo dia, o diretor Comercial e de Logística de Cargas da estatal, André Luis Marques de Barros, concedeu entrevista coletiva à imprensa e falou sobre a nova gestão comercial da Infraero, parcerias e novos rumos. No encontro, Barros esclareceu o processo de implantação dos condomínios logísticos nos aeroportos de Uberlândia (MG), Recife (PE) e Joinville (SC), que deverá gerar recursos à empresa, num prazo de 25 anos de concessão das três áreas, da ordem de R$ 500 milhões.

      Além de participar da abertura do evento e participar como patrocinadora, a Infraero esteve presente no ciclo de conferências, palestras temáticas e workshops gratuitos do evento, potencializando sua marca e apresentando a nova política comercial da empresa. No Solutions Forum, realizado num espaço aberto no pavilhão G do Transamerica Expo Center, dezenas de empresários e executivos do setor de logística tiveram a oportunidade de assistir palestras de diversas empresas e assim conhecer produtos, serviços e cases de sucesso.

      Os gestores da Diretoria Comercial, entusiastas da nova política comercial da empresa, ressaltaram durante as suas participações no ciclo de palestras as oportunidades de negócios existentes no setor aeroportuário de logística de cargas da Rede Infraero e apresentaram aspectos expressivos do potencial aéreo com projeção garantida de crescimento para os próximos anos.

      Carlos Magno Ribeiro Leite, gerente de Infraestrutura Logística da Superintendência de Negócios em Logística de Carga da estatal, ministrou palestra em 5/4, no Seminário Político e Econômico, sobre os novos rumos da infraestrutura logística e comercial. Magno apresentou uma análise dos principais desafios da empresa diante do cenário econômico atual e as soluções e oportunidades existentes nos terminais como, por exemplo, a implantação de Centros de Logísticos Aeroportuários.

      Magno tratou ainda sobre o Programa Infraero de Eficiência Logística (PIEL), da Rede de Terminais de Carga – Importação, onde apontou as facilidades geradas pela iniciativa, que   monitora o tempo do processo logístico de cada carga desde a chegada ao terminal até a entrega ao importador. “Com esse recurso, proporcionamos ampla visibilidade de todo o processo para os nossos clientes, que passaram a identificar e eliminar entraves existentes, gerando mais eficiência nas liberações das cargas, contribuindo para redução dos custos e elevando a competividade das empresas que atuam no comércio exterior”, completou o gerente.

      Na quarta (6/4), foi a vez do superintendente de Negócios em Logística de Carga, Francisco Nunes, apresentar o tema “A Infraero Cargo é mais do que Cargas – Oportunidades de Negócios”. Nunes destacou alguns dos diferenciais da empresa, como a presença no cenário nacional, que cria conexões logísticas com mais de 800 cidades; assessoria personalizada com soluções logísticas para cada cliente; novo posicionamento comercial da marca Infraero no mercado dos mais variados segmentos de negócios; e a abertura da participação da iniciativa privada nos empreendimentos comerciais e de ampliação da infraestrutura, conforme os  projetos em implantação nos terminais de Uberlândia, Joinville, Recife, dentre outros planejados. “Existe espaço para crescer no setor logístico de carga aérea em todo o país, integrando os diversos modais, e vamos trabalhar para consolidar esse negócio na Rede Infraero”, destacou Francisco.

      No último dia da Intermodal, Bruno Tavares Basseto, gerente da Superintendência de Negócios em Áreas Externas e Serviços Aéreos, abordou a metodologia da empresa na elaboração dos estudos técnicos de viabilidade econômica para as concessões comerciais com investimento, além de divulgar ao público presente algumas das nossas principais oportunidades de negócios. Alguns dos destaques apontados foram os projetos do Mirante Val-de-Cans (Belém) e Congonhas (SP). Outro ponto apresentado por ele foi a possibilidade de empreendedores trazerem suas ideias e planos de negócios para a Infraero, visando ao alinhamento entre os estudos internos da superintendência e as expectativas do mercado.

Intermodal-3


   Intermodal 2016
      Considerado um dos mais importantes eventos destinados aos setores de logística, transporte de cargas e comércio exterior da América Latina, a Intermodal South America já está em sua 22ª Edição, reunindo neste ano cerca de 600 empresas expositoras de 25 países, representando os modais marítimo, rodoviário, ferroviário e aéreo.


Leia também:









Receba as Últimas Notícias por e-mail, RSS,
Twitter ou Facebook


Entre aqui o seu endereço de e-mail:

___

Assine o RSS feed

Siga-nos no e

Dúvidas? Clique aqui




◄ Compartilhe esta notícia!

Bookmark and Share



Eventos






Publicidade






Recently Added

Recently Commented