|

Fundação Ezute apresenta soluções na área de defesa durante a LAAD Defence & Security 2017


Fundação Ezute apresenta soluções na área de defesa durante a LAAD Defence & Security 2017 ...  



Dublin, Irlanda, Março de 2017 - A Fundação Ezute levará toda sua expertise no desenvolvimento de soluções que contribuam para o domínio e aplicação de tecnologia, inovação, competitividade e eficácia gerencial para a LAAD Defence & Security 2017, que acontece de 4 a 7 de abril, no Riocentro. O evento também marca as comemorações dos 20 anos da Fundação Ezute, completados este ano. Os visitantes poderão conhecer um pouco mais sobre a história da organização e sobre os diferenciais das soluções empregadas no estande da Ezute (Pavilhão 2, estande X-34).

Em seu portfólio, a Fundação conta com diversos projetos de interesse nacional e regional com foco no desenvolvimento e soberania. Dentre os projetos voltados para atender a Defesa vale destacar a concepção do Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul (SISGAAz); a gestão complementar e engenharia de sistemas do projeto de míssil antinavio (MANSUP); e o programa de absorção de conhecimento e tecnologia, na França, do sistema de combate de submarinos do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB), todos projetos complexos da Marinha do Brasil. A Ezute também foi responsável por antecipar os primeiros passos do sistema que deu origem ao SISFRON - Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras.

E, para isso, a organização consolidou a adoção dos conceitos de system engineering, que oferece uma visão holística em todas as etapas do processo de desenvolvimento de um projeto e que tem uma abordagem multidisciplinar. Ao prestar serviços intensivos em conhecimento, em parceria com o cliente, a Fundação Ezute reúne especialistas capacitados, combina conhecimento de diversas fontes, concebe, especifica, planeja e converte os conceitos complexos em informações acessíveis aos tomadores de decisão nas organizações, disponibilizando-as por meio de sistemas.

Entre os sistemas a serem apresentados, destacam-se:

SisGAAz – Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul
Vai contribuir para a segurança e o controle da navegação marítima por meio de observação contínua, com o propósito de assegurar a presença do Estado no monitoramento, na proteção e na preservação dos recursos da costa marítima brasileira e hidrovias. A concepção de todos os sistemas e a integração aos demais órgãos formam uma rede de sensores terrestres e marítimos, centros de controle, monitoramento aéreo e ambiental, além de procedimentos de pronta resposta que permitem a vigilância e a proteção da riqueza marítima, incluindo o pré-sal.

MANSUP – Gerenciamento complementar e engenharia de sistemas do projeto de míssil antinavio
Apoio à Marinha do Brasil na nacionalização do Míssil Antinavio de superfície, do qual participam várias empresas brasileiras da Base Industrial de Defesa. Envolveu o desenvolvimento de uma plataforma de gestão dedicada e a responsabilidade de apoiar o cliente na definição e implementação da metodologia para gerenciar o desenvolvimento do projeto e nas atividades de engenharia de sistemas correspondentes, passando pela consolidação e gestão dos requisitos técnicos do míssil, da interface entre todos os subsistemas e das atividades de validação dos componentes do projeto.

Sistema Espacial Brasileiro
Estudo de viabilidade e especificação do satélite geoestacionário brasileiro de comunicação, além do projeto para o desenvolvimento do sítio de lançamento do Cyclone 4. Participação no gerenciamento do projeto Plataforma Multimissão para Lançamento de Satélites, sob responsabilidade do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e coordenado pela Agência Espacial Brasileira (AEB).

SIVAM/ SIPAM – Sistema de Vigilância e Proteção da Amazônia
Empreendimento pioneiro em termos mundiais. Dotado de alta complexidade tecnológica e desafiador pelas suas dimensões geográficas, foi executado com visão de futuro para possibilitar o total controle sobre o patrimônio amazônico. Possibilitou a integração de ações para controlar e defender o território, o espaço aéreo e o meio ambiente, pela disponibilização de conhecimento e inteligência sobre a região, oferecendo bases relevantes para o suporte ao seu desenvolvimento sustentável. Também viabilizou as aeronaves de reconhecimento e alerta antecipado, um produto para exportação que permitiu à Força Aérea Brasileira modernizar seus planos e doutrinas operacionais e ao Brasil, dispor de um instrumento estratégico em geopolítica.

PROSUB – Programa de Desenvolvimento de Submarinos
A Fundação Ezute atua no Programa de Desenvolvimento de Submarinos (PROSUB), da Marinha do Brasil, com foco na absorção de tecnologia, com objetivo de apoiar a Marinha na manutenção e evolução do Sistema de Combate dos submarinos. Segundo o acordo entre a Directions de Construction Navales et Services (DCNS) e a Marinha do Brasil, a DCNS é responsável por fornecer o Sistema de Combate para os quatro submarinos convencionais (propulsão diesel-elétrica) (SBR) e também para o primeiro submarino brasileiro de propulsão nuclear (SNBR). A Fundação Ezute foi selecionada para receber treinamento da DCNS referente ao Sistema de Combate dos submarinos convencionais do PROSUB e atualmente apoia a Marinha no projeto preliminar do Sistema de Combate do SNBR.

SDS – Simulador Didático do SiComFrag
A Fundação Ezute desenvolveu para o Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW) um sistema de simuladores para treinamento dos operadores e mantenedores na identificação de avarias de interfaces do Sistema de Combate das Fragatas da Classe “Niterói” Modernizadas (SiComFrag). A concepção do SDS teve como inspiração a melhoria da qualidade dos cursos do CIAW, com a simulação de avarias de interfaces, aspectos não cobertos pelos simuladores de até então, com a possibilidade de complementação com a utilização do ambiente real a bordo das Fragatas. Os cursos do CIAW, que versam sobre Sistemas de Armas, são dedicados ao aperfeiçoamento de Oficiais nas suas funções técnicas na operação do sistema e a especialização e aperfeiçoamento de Praças em suas funções de manutenção a bordo.

Sobre a Ezute
A Fundação Ezute é uma organização privada sem fins lucrativos que oferece soluções inovadoras, de tecnologia e gestão, para os desafios e problemas enfrentados por organizações públicas brasileiras. A Ezute contribui para a transformação destas organizações, apoiando a evolução de produtividade e de efetividade. Para isso oferece serviços de formulação e planejamento; gestão de projetos complexos; engenharia de processos; engenharia de sistemas; e desenvolvimento de conhecimento. A Fundação aplica visão sistêmica e utiliza Systems Engineering no desenvolvimento de todos os seus projetos.  Colabora, assim, para melhorar a vida das pessoas e para o desenvolvimento e soberania do Brasil.
A Fundação Ezute foi criada em 1997 e foi designada pelo Governo Federal para ser a instituição integradora do projeto SIVAM/SIPAM (Sistema de Vigilância da Amazônia/Sistema de Proteção da Amazônia). Ao longo da sua história, a organização tem atendido prioritariamente às necessidades do governo brasileiro, atuando em projetos estruturantes, em sistemas tecnológicos complexos, na absorção e desenvolvimento de novas tecnologias e na gestão complementar de empreendimentos estratégicos, tanto no âmbito civil quanto no de defesa, tais como Bilhete Único, Siga Saúde, apoio à gestão do Ministério do Esporte nas Olimpíadas RIO 2016, SisGAAz - Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul, PROSUB - Sistema de Combate de Submarinos e Projeto MANSUP – Míssil, entre outros.

Na área de cidadania, a Ezute é parceira da Fundação Anita Pastore D´Ângelo e da Escola Aberta do Terceiro Setor.


Leia também:









Receba as Últimas Notícias por e-mail, RSS,
Twitter ou Facebook


Entre aqui o seu endereço de e-mail:

___

Assine o RSS feed

Siga-nos no e

Dúvidas? Clique aqui




◄ Compartilhe esta notícia!

Bookmark and Share



Eventos







Publicidade






Recently Added

Recently Commented