|

RIOgaleão Cargo está preparado para o período das Olimpíadas



RIOgaleão Cargo está preparado para o período das Olimpíadas ...

Faltando um dia para o início dos Jogos Rio 2016, o RIOgaleão Cargo já iniciou sua operação especial para o período do maior evento esportivo do planeta desde o mês passado. Com a expectativa de movimentar 2 mil toneladas a mais do que nos dias comuns, o terminal de cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim ganhou um espaço exclusivo e totalmente dedicado às atividades de importação, exportação e armazenagem de material envolvido com o evento. A iniciativa garante à empresa que ambas as operações, olímpica e regular, sejam realizadas de forma íntegra e com equipes e infraestrutura separadamente dedicadas.

O Armazém Olímpico possui 2.800 m² e conta com uma área alternativa, disponível no pátio de aeronaves, em seu planejamento de contingência. O espaço contará com a presença de órgãos reguladores (Polícia Federal, Receita Federal, ANVISA, VIGIAGRO e IBAMA) e uma equipe de 18 colaboradores do RIOgaleão Cargo totalmente dedicados à operação olímpica, durante todos os dias da semana, 24 horas por dia. A área, que já recebeu as primeiras importações, deve receber equipamentos de broadcast, merchandising e material olímpico, entre outros.

Para o período dos Jogos Rio 2016, o RIOgaleão Cargo já tem voos charter (não-regulares) confirmados de cargueiros das companhias Emirates, LATAM, Lufthansa, Cargolux e Atlas. Alguns destes voos são responsáveis por trazer os mais de 300 cavalos das provas de Hipismo - alguns, inclusive, já chegaram pelo terminal.

O Armazém Olímpico contará com infraestrutura completa de segurança e equipamentos de manuseio para operação no pátio e no armazém. “Já investimos quase R$ 30 milhões para melhorar nossa infraestrutura e o desempenho operacional. Agora, com as Olimpíadas, temos a oportunidade de mostrar para o mercado mundial tudo que já foi feito para que sejamos um dos mais modernos e eficientes gateways da América Latina”, explica Patrick Fehring, diretor do RIOgaleão Cargo.

Operação regular íntegra

Fehring faz questão de ressaltar que a operação regular do terminal de cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim seguirá de forma normal, e que o tempo de liberação da carga é, hoje, o melhor dos últimos três anos. “Nossa maior preocupação, certamente, é com os clientes regulares que já conhecem e confiam no nosso trabalho. Nosso espaço está totalmente apto para realizar ambas as operações sem que uma interfira na outra, principalmente porque, hoje, estamos operando em menos de 50% de nossa capacidade total de armazenagem”, afirma.

O RIOgaleão Cargo embarcou em um programa de melhoria operacional para consolidar a sua posição como um dos líderes gateways de frete aéreo da América Latina. Desde o início da concessão, em agosto de 2014, até o fim deste ano, a concessionária que administra o aeroporto terá investido R$ 30 milhões em equipamentos novos e melhorias de infraestrutura.

O terminal de cargas conta com 45 mil m² de espaço de armazenagem sem restrições, mais de 13.780 posições de espaço de prateleira e 17 mil m³ de modernas instalações de armazenamento a frio. O RIOgaleão Cargo conta, também, com posições de estacionamento para até nove cargueiros de fuselagem larga por vez e dispõe da maior pista do Brasil (4 mil metros), além de não possuir restrições de capacidade e operar todos os dias da semana, 24 horas por dia.

Sobre o RIOgaleão Cargo
O RIOgaleão Cargo, terminal de cargas da concessionária, que tem Odebrecht TransPort, Changi e Infraero como sócias, receberá investimentos da ordem de R$ 20 milhões até 2016 para realização de melhorias no terminal de cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim. Com o começo do programa de investimentos, em agosto de 2014, foram iniciadas as reformas dos terminais, galpões e escritórios, além da aquisição de novos equipamentos e adoção de novos processos e procedimentos na armazenagem e movimentação das cargas. Desde o início da operação, o terminal conseguiu uma redução de 20% no tempo médio de liberação de cargas, um ganho de extremo benefício para os clientes do aeroporto. O RIOgaleão Cargo é uma plataforma logística multimodal e de localização estratégica. O terminal de cargas, que está situado há 17 km do Porto do Rio de Janeiro e conectado às principais rodovias do Brasil, conta com uma pista de 4 mil metros – a mais longa do Brasil – e nove posições dedicadas a cargueiros, que podem operar 24 horas por dia, sem restrições de capacidade ou de horário para pousos.

Sobre o RIOgaleão
O RIOgaleão é formado pela Odebrecht TransPort, Changi Airports International e Infraero. A concessionária assumiu a administração e operação do aeroporto, em agosto de 2014, com contrato de concessão de 25 anos. Até o fim desse período, o RIOgaleão investirá R$ 5,2 bilhões no aeroporto – destes, cerca de R$ 2 bilhões serão investidos até as Olimpíadas. As obras do aeroporto são conduzidas por um consórcio liderado pela Odebrecht. A Changi Airports International traz para o RIOgaleão sua experiência em operações aeroportuárias. A empresa é responsável pela operação e gestão de Singapore Changi Airport, o aeroporto mais premiado do mundo. As duas empresas se uniram para transformar o Aeroporto Internacional Tom Jobim em uma icônica porta de entrada para a América Latina. Para mais informações, visite: www.riogaleao.com. ​


Leia também:









Receba as Últimas Notícias por e-mail, RSS,
Twitter ou Facebook


Entre aqui o seu endereço de e-mail:

___

Assine o RSS feed

Siga-nos no e

Dúvidas? Clique aqui




◄ Compartilhe esta notícia!

Bookmark and Share



Eventos






Publicidade






Recently Added

Recently Commented