|

Megaoperação de retorno das delegações no RIOgaleão



Megaoperação de retorno das delegações no RIOgaleão ...

Aeroporto oficial dos Jogos Olímpicos teve número histórico de voos e vendas ...

O RIOgaleão registrou movimento histórico na última segunda-feira (22), principal dia da partida das delegações. Cerca de 85 mil passageiros circularam por ambos os terminais e mais de 490 movimentos de aeronaves (chegadas e partidas) foram realizados no Aeroporto Internacional Tom Jobim. O número representa um aumento de 60% nos voos quando comparado ao mesmo dia do ano passado. Mais de 7.500 integrantes da Família Olímpica (atletas e equipes técnicas) passaram pelo aeroporto e despacharam aproximadamente 38.860 bagagens.

Apesar dos altos números, a operação do RIOgaleão foi considerada um sucesso. Aproximadamente 800 ônibus transportando atletas, marketing partners, federações esportivas e demais stakeholders olímpicos ingressaram no estacionamento dedicado a esta operação. Outra peça chave, o check-in remoto na Vila dos Atletas foi essencial para a organização do aeroporto. No local, mais de 3 mil passageiros da Família Olímpica retiraram seus cartões de embarque e neste dia despacharam 5,5 mil bagagens, que seguiram em 55 caminhões direto para o raio-x dentro do pátio de aeronaves. Ao chegar ao RIOgaleão, as delegações se encaminhavam diretamente ao embarque.

Dos assentos ofertados pelas companhias aéreas no dia 22, a taxa de ocupação atingiu os 95%. No total, 39 companhias aéreas operaram voos, sendo 21 companhias internacionais regulares, cinco domésticas regulares e 13 para voos charters (aquelas que não operam regularmente no aeroporto). O total de aeronaves não regulares (charters) na segunda-feira atingiu o número de 67 aviões que passaram pelo pátio – na Copa do Mundo, por exemplo, o maior registro de voos dessa natureza foi de menos de 10 aeronaves em um único dia. Entre as companhias que operaram voos charters estão Japan Airlines, Swiss, Korean Air, Aeroflot, Turkish Airlines, Qantas, Austrian Airlines, Atlas Air, ANA e Air China.

Foi nesta segunda-feira, também, que o Aeroporto Internacional Tom Jobim recebeu, pela primeira vez desde o início da operação da concessionária (agosto/2014), o Airbus A380. Para levar os atletas e turistas da França de volta à Paris, a Air France trouxe a maior aeronave comercial do mundo, que voltou à capital francesa com 484 passageiros a bordo – o A380 transporta até 540 pessoas.

Consumo antes de embarcar

O aeroporto também registrou números recordes nas lojas e restaurantes neste dia de maior pico de movimento da história do Galeão. Foram vendidas mais de 1.700 bijuterias e acessórios. A venda de sandálias Havaianas teve um aumento de 260%.

Na última semana, as lojas e restaurantes venderam mais de 1 tonelada do café brasileiro outras mais de 1 tonelada de chocolate – nos dias normais, durante uma semana, são vendidos 100 quilos de chocolate.

As últimas refeições realizadas em solo brasileiro também apresentaram números expressivos. A venda de tapioca, por exemplo, bateu recorde: subiu de 100 unidades por dia para 600. Foram vendidas mais de 2.500 fatias de pizza e 1.000 unidades de cachorros-quentes. Para um último brinde no Rio de Janeiro, os passageiros consumiram acima de 1.000 taças de vinho, 400 caipirinhas e de 50 mil latas de refrigerante e garrafas de água. A sala VIP do Galeão recebeu o número recorde de 4 mil passageiros. O acesso à internet gratuita subiu de 11 mil nos dias normais para 44 mil. Desde o início dos Jogos, foram vendidos 45 mil mascotes Vinicius em várias lojas do RIOgaleão.

Para entreter os passageiros que chegaram cedo nesse dia de movimento histórico, o RIOgaleão preparou uma despedida com gostinho carioca para que todos levassem em suas bagagens saudade e vontade de voltar. A escola de samba Mangueira fez a festa no terminal de embarque durante seis horas. O aeroporto teve um show de Daniel e Paulo Jobim, neto e filho do mestre Tom, que embalaram os passageiros ao som da bossa nova e apresentação de outras seis bandas ao vivo. Dois mega painéis foram montados para as mensagens de despedida da cidade maravilhosa. Foi uma despedida à altura dos Jogos Olímpicos realizados na cidade maravilhosa.

Sobre o RIOgaleão
O RIOgaleão é formado pela Odebrecht TransPort, Changi Airports International e Infraero. A concessionária assumiu a administração e a operação do aeroporto em agosto de 2014, com contrato de concessão de 25 anos. Até o fim desse período, o RIOgaleão investirá R$ 5,2 bilhões no aeroporto – destes, investimentos de cerca de R$ 2 bilhões já foram concluídos. As obras do aeroporto foram conduzidas por um consórcio liderado pela Odebrecht. A Changi Airports International traz para o RIOgaleão sua experiência em operações aeroportuárias. A empresa é responsável pela operação e gestão de Singapore Changi Airport, o aeroporto mais premiado do mundo. As duas empresas se uniram para transformar o Aeroporto Internacional Tom Jobim em uma icônica porta de entrada para a América Latina. Para mais informações, visite: www.riogaleao.com.


Leia também:









Receba as Últimas Notícias por e-mail, RSS,
Twitter ou Facebook


Entre aqui o seu endereço de e-mail:

___

Assine o RSS feed

Siga-nos no e

Dúvidas? Clique aqui




◄ Compartilhe esta notícia!

Bookmark and Share



Eventos






Publicidade






Recently Added

Recently Commented