|

NOTIMP - Noticiário da Imprensa - 31/07/2016 / KC-390 demonstrated high maturity during international debut


KC-390 demonstrated high maturity during international debut ...



The first prototype of Embraer KC-390 military transport plane arrived back in Brazil after making international debut at the concluded Farnbourgh Air Show in UK and completing demonstration flights to its potential customers.

The first international mission lasted 23 days, covering 16,300 nautical miles (about 30,200 kilometers) flying for more than 48 hours.

Embraer says the aircraft demonstrated high level of maturity during the 16 flights, with availability reaching 100 percent, which also included operating from locations with temperature of 45° C (113° F).

The aircraft flew to Sal (Cape Verde), Alverca (Portugal) Odolena Voda (Czech Republic), Cairo (Egypt), Abu Dhabi (United Arab Emirates) and Malta for customer demonstrations.

“This was an excellent opportunity for some customers to take a closer look at the aircraft and its innovative features. The interest around the KC-390 during the Farnborough Airshow was fantastic, with the aircraft being visited by more than 20 international delegations”, said Jackson Schneider, President and CEO of Embraer Defense and Security.

“The positive reaction from potential customers who piloted the aircraft was of great pride for the company and its employees because the plane effectively demonstrated its versatility by fully adapting to the particular characteristics of each operation. We are very optimistic about the success of the KC-390 in the coming years. Since first flight in Feb 2015, the two KC-390 prototypes have accumulated more than 400 flight test hours.

The multi mission aircraft is capable of transporting troops, cargo and can also perform aerial refueling missions. Certification is expected for the second half of 2017 with the first delivery to Brazilian Air Force scheduled for 2018.

Powered by two IAE V-2500 turbofan engines, the KC-390 can carry 23 tons of payload including wheeled infantry fighting vehicle to a distance of 1700 miles.

Embraer has received 60 commitments from 6 customers, Argentina (6), Brazil (28), Chile (6), Colombia (12), the Czech Republic (2), and Portugal (6).




Acompanhe aqui o Noticiário relativo ao Comando da Aeronáutica veiculado nos principais órgãos de comunicação do Brasil e até do mundo. O NOTIMP apresenta matérias de interesse do Comando da Aeronáutica, extraídas diretamente dos principais jornais e revistas publicados no país.




PORTAL G-1


DF tem mostra com avião da FAB e peça com Barbie e princesas; veja


Crianças, jovens e adultos encontram opções de diversão neste sábado e domingo em todo Distrito Federal. Entre as opções estão as peças "Chapeuzinho Vermelho", "Rainha do gelo", "Show das princesas" e "Barbie". Os ingressos variam entre R$ 10 e R$ 50 e cinco eventos têm entrada franca.
Exposição do caça Gripen NG
O Shopping Iguatemi traz até domingo a exposição de uma réplica de um caça da Força Aérea Brasileira (FAB) em tamanho real. O Gripen NG fica até domingo na praça central do shopping, com visitação aberta ao público. O público poderá ter no local mais informações sobre o caça, tirar fotos e conhecer o interior do veículo. Militares da FAB ficam no local orientando os visitantes sobre oportunidades de carreira, escolas de formação, rotina e outras curiosidades.
A visitação à réplica é gratuita; entretanto, a entrada do visitante na cabine da aeronave está condicionada a agendamento por meio do site (http://www.fab.mil.br/ofuturochegou), conforme as sessões pré-determinadas para tal. Cada CPF terá direito a, no máximo, mais dois acompanhantes para subir na cabine. Crianças menores de 12 anos deverão estar acompanhadas de um adulto registrado. A visitação à cabine da aeronave durará até 10 minutos por CPF registrado. Não será permitida a entrada de visitante na cabine com comida e/ou bebidas. Ao se cadastrar para agendamento de visita à cabine, você aceita, automaticamente, as regras listadas.
Data: até domingo (31)
Horário: 10h às 22h (sábado); 14h às 20h (domingo)
Local: Shopping Iguatemi, lote A, CA 4 a CA 7 - Lago Norte - Brasília – DF
Entrada franca
A Tartaruga e a lebre
A companhia teatral Três amiguinhos conta a fábula "A Tartaruga e a lebre". A história se passa em uma floresta, onde uma lebre muito esperta se acha o animal mais rápido do local e, por isso, zomba e trata mal a colega tartaruga, que anda em um ritmo diferente. A apresentação acontece neste sábado e domingo às 17h no Teatro da Árvore, no Colégio La Salle, em Águas Claras. Os ingressos custam R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira).
Data: sábado e domingo (30 e 31)
Horário: 17h
Local: Teatro da Árvore – Colégio La Salle – Águas Claras
Ingresso: R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira)
Chapeuzinho Vermelho
Neste sábado (30), no Alameda Shopping, o companhia teatral Néia e Nando apresenta o espetáculo Chapeuzinho Vermelho. A apresentação acontece às 16h e tem entrada franca. Na história, De que adiantam os conselhos da mamãe, a curiosa Chapeuzinho Vermelho pega a estrada para a casa da avó, que está doente. Porém, um simples atalho pela floresta pode complicar bastante o caminho. No local mora o esperto e faminto lobo mau, que espera de boca aberta a hora do almoço, com uma cesta de doces na mão e uma capinha vermelha.
Data: sábado (30)
Hora: 16h
Local: Alameda Shoopping - Taguatinga
Entrada franca
Soldadinho de Chumbo
O Pátrio Brasil traz para o público infantil apresentação de espetáculo e contação de histórias. No sábado, às o clássico da poesia brasileira "Ou isto ou aquilo" será apresentado para as crianças. O conto aborda os sonhos e as fantasias do mundo infantil. A casa da avó, os jogos, os brinquedos, os animais e as flores, tudo ganha vida nesta história. No domingo, o espaço terá a peça Soldadinho de Chumbo. Na história, 25 soldadinhos de chumbo foram feitos igualmente, mas quando chegou a vez do último, o material não foi suficiente e ele ficou sem uma perna. Mas o que parecia ser um defeito revelou-se uma grande habilidade. Por equilibrar-se numa perna só, o Soldadinho atraiu a atenção de uma bela bailarina. O espetáculo acontece às 16h e tem entrada franca.
Data: sábado e domingo (30 e 31)
Horário: 16h
Local: Pátio Brasil Shopping (próximo ao Setor Comercial Sul)
Entrada franca
Inseparável Público
O JK Shopping apresenta neste domingo atrações infrantis no último final de semana das férias escolares. As crianças podem curtir às 15h o espetáculo "Inseparável Público", em que as palhaças Marinês e Hipotenusa, interpretam alguns números tradicionais de circo como, mágica, equilibrismo e a acrobacia.
Data: domingo (31)
Horário: 15h
Local: JK Shopping - Ceilândia
Entrada franca
Show das princesas
A companhia Néia e Nando apresenta na Escola Parque 308 Sul o espetáculo "Show das Princesas", às 17h. A história criada pelo grupo teatral reune as princesas mais famosas dos clássicos infantis e da atualidade em um show repleto de efeitos, bailarinos, luzes por toda parte e muita magia. Os ingressos custam R$ 50 (inteira), R$ 25 (meia) e R$ 15 (clubinho).
Data: sábado e domingo (30 e 31)
Horário: 17h
Local: Teatro da Escola Parque 308 Sul - Asa Sul
Ingresso: R$ 50 (inteira), R$ 25 (meia) e R$ 15 (clubinho)
Nosso da Vinci
O grupo Voar Teatro de Bonecos fará apresentação do espetáculo "O nosso Da Vinci". A peça mostra um dia na vida deste homem. Cenário, bonecos, adereços e sonoplastia procuram retratar um ambiente inusitado com bom humor. A apresentação acontece neste sábado e domingo, às 16h, no teatro da praça de Taguatinga, na Avenida das Palmeiras. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).
Data: sábado e domingo (30 e 31)
Horário: 16h
Local: Teatro da praça de Taguatinga - Avenida das Palmeiras, 1 - Taguatinga- DF
Ingresso: R$ 20 (inteira) e R$10 (meia)

JORNAL A CRÍTICA (AM)


Curso para instituições policiais visa inibir narcóticos durante as Olimpíadas

Investigação Criminal contra Narcóticos foi tema da série de atividades que começou dia 25 e encerrou nesta sexta, 29; finalidade é combater ações criminosas durante o maior evento do esporte amador internacional

Paulo André Nunes

Responsável por garantir a segurança com cidadania nas rodovias federais e áreas de interesse da União, a Polícia Rodoviária Federal do Amazonas (PRF) foi uma das instituições policiais participantes do Curso de Investigação Criminal com ênfase em Narcóticos, que começou no último dia 25 e encerrou nesta sexta, diz 29, finalizando o Programa de Capacitação visando os Jogos Olímpicos em Manaus – a capital vai receber 6 partidas do torneio de futebol nos dias 4, 7 e 9 de agosto na Arena da Amazônia.
Ministrado pelo Instituto Integrado de Ensino de Segurança Pública (IESP), a atividade foi a última de diversas atividades ministradas pelo IESP, que tiveram por objetivo a capacitação dos órgãos públicos para o maior evento do esporte amador internacional.No encerramento, os participantes realizaram uma parte prática no rio Negro, recebendo instruções e tendo, como apoio, a embarcação ferry boat cedida pela Polícia Civil (PC).
O objetivo foi capacitar os profissionais de segurança pública proporcionando conhecimentos que permitam a identificação das drogas mais usadas, da legislação específica, do tráfico ilícito de entorpecentes, bem como o seu uso indevido e da dependência química, bem como da atividade policial preventiva e repressiva. Especificamente, a atividade visou criar condições para que o policial pudesse ampliar seus conhecimentos para identificar as técnicas de investigação criminal de narcóticos para demonstrar a credibilidade e validade das informações que compõem a prova, bem como aplicar, em situações práticas, os conhecimentos adquiridos no curso ministrado pelo IESP.
No Amazonas, a Polícia Rodoviária Federal teve um total de 26 agentes no curso, que serão responsáveis por disseminar o aprendizado aos demais e tornará a segurança pública mais eficaz. Na turma, além de alunos de PRFs, houve também policiais militares, Civis e integrantes do Exército e da Aeronáutica, com carga de 40 horas em turno integral.
Treino/prática
Entre as atividades ministradas no curso para os membros da Polícia Rodoviária Federal esteve a disciplina de Busca Veicular na última quinta-feira (28), no Posto da PRF (UOP 01) no quilômetro 40 da BR-174, proporcionando maior realidade a atividade de treino/prática. Na oportunidade, a Polícia Militar do Amazonas disponibilizou um cão com policial, do seu canil (CPE), para acompanhar o exercício prático.
“Esse curso foi importante para o aperfeiçoamento das técnicas já aderidas por outros órgãos e com ênfase em grandes eventos, como as Olimpíadas, onde há um número maior de pessoas e veículos circulando”, informou Danielle Fiorotte, responsável pelo Núcleo de Comunicação da Polícia Rodoviária Federal.

AGÊNCIA BRASIL


Forças Armadas assumem segurança de atletas olímpicos em Manaus


André Richter

As Forças Armadas foram autorizadas hoje (30) pelo presidente da interino, Michel Temer, a assumirem a segurança do Hotel Tropical, em Manaus. As tropas da Marinha e do Exército farão a segurança das delegações que vão se hospedar no local. A capital amazonense será uma das sedes das partidas de futebol na Olimpíada.
De acordo com o Ministério da Defesa, o pedido de reforço foi feito pelo governador do Amazonas, José Melo de Oliveira, que alegou o esgotamento do efetivo das polícias estaduais para atuarem na proteção dos atletas. Após a decisão de Temer, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, pediu ao Estado-Maior das Forças Armadas o emprego de 600 militares na operação.
De acordo com o Ministério da Defesa, 22 mil militares da Marinha, do Exército e da Força Aérea Brasileira (FAB) farão o patrulhamento dos locais de competições durante a Olimpíada e os Jogos Paralímpicos.

PORTAL UOL


Polícia usa fuzis para "demonstrar força" em chegada de atletas a Rio-2016


ImagemTão logo pisa o saguão do Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim (Galeão), o profissional que chega para a disputa dos Jogos Rio-2016 se depara com um forte policiamento no local. Homens de roupas camufladas, capacete e um pesado armamento recebem os membros da chamada "família olímpica". Nas mãos, os integrantes da Polícia da Aeronáutica carregam um fuzil AK-33. O objetivo? Dar segurança, claro, mas, principalmente, demonstrar força e intimidar quem quiser causar desordem no local.
É o que explica um dos cerca de 60 soldados responsáveis pelo patrulhamento nos terminais 1 e 2 do aeroporto localizado na Ilha do Governador. "É claro que assusta, sabemos disso. Mas as pessoas podem saber que não pensamos em dar um tiro aqui dentro do aeroporto. Imagina a confusão que seria. Nos posicionamos com a arma pendurada para demonstrar força, passar uma sensação de segurança, intimidar quem pense em desordem", contou o soldado Anderson, que passeava pelo terceiro andar do terminal 2 com mais três companheiros igualmente armados.
Apesar da necessidade clara de um policiamento reforçado para o período do evento, a presença do grupo incomoda alguns funcionários e visitantes do local.
"Sinceramente, precisa disso? Parece uma praça de guerra. Nunca vi o Galeão assim. Eles poderiam dar a mesma segurança, mas sem essa intimidação. Poderiam estar ali na calçada", disse uma funcionária de uma loja de chocolates do aeroporto.
"Acho que o Rio está bem preocupado com a segurança. Já fiz eventos pelo mundo todo e não lembro desse efetivo exatamente dentro do aeroporto. Que não aconteça nada", reforçou um membro da equipe técnica da emissora de TV americana NBC.
Segundo os policiais da aeronáutica ouvidos pela reportagem, tal cena se repetirá durante todo o período olímpico e paraolímpico, com efetivo maior durante os desembarques e partidas da família olímpica. Oriundos de muitas partes do Brasil, alguns são jovens e confessaram viver a primeira experiência com o fuzil AK-33 em um grande evento.
Procurada pela reportagem para comentar a situação, a Aeronáutica informou que este fuzil é o "armamento adequado para o tipo de missão. Os militares têm pleno conhecimento da arma e passaram por diversos treinamentos visando à atuação nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, como instruções de medidas de controle no solo, prevenção ao terrorismo, abordagem, revista pessoal e de veículos, a fim de contribuir para a realização segura do evento".

JORNAL O ESTADO DE SÃO PAULO


Sem mudar Previdência, será preciso aumentar impostos em 10% do PIB

Para Marcelo Caetano, secretário de Previdência do Ministério da Fazenda, alta da carga tributária, porém, seria suficiente apenas para manter o tamanho do rombo atual, de 2% do PIB; ele diz ser possível enviar proposta de reforma até o fim do ano

Sem o endurecimento nas regras de concessão de aposentadoria no Brasil, a carga tributária terá de crescer o equivalente a 10% do PIB para pagar os benefícios previdenciários. Em valores de hoje, seria um acréscimo de R$ 600 bilhões a um total de impostos e contribuições pagos que já ultrapassa a casa dos R$ 2 trilhões. E, mesmo assim, o rombo continuaria do mesmo tamanho, diz o secretário da Previdência, Marcelo Caetano, escolhido pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, para tocar o alicerce técnico da reforma da Previdência. 
“Qual custo você prefere?”, questiona. “Mesmo com esse aumento de tributos, continuaríamos com um rombo na Previdência em torno de 2% do PIB”, disse, em entrevista ao Estado. O crescimento das despesas do INSS depende do cenário com que se trabalha. Pelas regras atuais, elas cresceriam 8,5% do PIB até 2060. Com a adoção isolada da idade mínima de 65 e 60 anos para homens e mulheres, surpreendentemente o gasto subiria quase 10% do PIB no período (veja matéria abaixo). Isso porque o modelo é efetivo no curto e no médio prazos, mas como não acompanha a evolução da expectativa de vida, aumenta os gastos no longo prazo.
Caetano diz que esse cenário para os próximos 44 anos reforça a importância das mudanças nas regras de acesso à aposentadoria para garantir a sustentabilidade do sistema previdenciário a longo prazo. O desafio, reconhece, vai ser convencer a população – e os parlamentares – que é preciso agir agora.
“Quero uma aposentadoria não só para meus pais, que são aposentados; mas para mim, que ainda vou me aposentar; para os meus filhos, que nem entraram no mercado de trabalho; e para meus netos, que nem nasceram”, afirma. “Para isso, são necessários ajustes.”
Algumas dessas mudanças já foram abordadas pelo ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, eleito o porta-voz político do governo sobre o tema. Aos poucos, ele vem testando a reação das pessoas ao divulgar, em redes sociais, algumas das possíveis alterações.
O ministro antecipou três pontos que devem estar na reforma: 1) a fixação de uma idade mínima para a aposentadoria por tempo de contribuição (previamente estipulada em 60 e 65 anos para mulheres e homens, respectivamente); 2) um “pedágio” de 40% a mais no tempo que falta para aposentar como regra de transição; 3) a unificação de todos os regimes – da aposentadoria rural e urbana, de trabalhadores da iniciativa privada e servidores públicos, incluindo os militares. Ao mexer com a caserna, as resistências já foram endereçadas aos interlocutores do presidente.
Caetano diz que trabalha com cenários distintos, que envolvem mudanças nas condições de acesso, no cálculo do benefício e na forma como são corrigidas as aposentadorias para garantir, além da sustentabilidade, um sistema mais igualitário. “Tem de pensar numa consistência interna. O que vai ser feito em cada uma dessas três pilastras é uma decisão política.”
Prazo. No Ministério da Fazenda, a ordem é que se cumpra o compromisso de enviar a proposta até o fim deste ano. Do ponto de vista técnico, Caetano garante ser possível. A expectativa do governo é que a reforma provoque um efeito nas contas públicas em quatro, cinco anos após ser aprovada. Nesse intervalo, o governo ganha com a confiança dos investidores de que a dívida pública entrará numa trajetória mais “saudável”. Com essas medidas, Meirelles e companhia esperam recuperar o grau de investimento do País – selo de bom pagador – e abrir caminho para uma queda mais consistente dos juros.
O secretário da Previdência rebate o argumento das centrais sindicais de que a fixação de uma idade mínima na aposentadoria por tempo de contribuição prejudica os mais pobres, que entram mais cedo no mercado de trabalho. No entanto, estudo recente aponta que seis de cada dez aposentados por tempo de contribuição estão entre os 40% mais ricos da população. “No fundo, a aposentadoria por tempo de contribuição está mais direcionada ao público que ingressa de forma mais regular no mercado formal de trabalho”, afirma.
As centrais têm defendido também que o governo foque no lado das receitas, com o aumento de impostos para o “andar de cima” para bancar o déficit da Previdência. Para o secretário, porém, não há possibilidade de fechar as contas só pelo incremento nas receitas porque, qualquer que seja o tributo, a arrecadação continuaria no mesmo patamar ao longo dos anos, enquanto as despesas aumentariam, por questões demográficas.
O envelhecimento da população brasileira vai se dar em um ritmo muito mais veloz do que o ocorrido em outras regiões. A Europa levou cerca de 50 anos para passar de uma participação de pessoas de 60 anos ou mais na população total de 11,8% para 20,3%. Os países da América Latina, incluindo o Brasil, vão percorrer trajetória similar (de 11,2% para 21%), de 2015 a 2040, em apenas 25 anos. Em 2060, o Brasil terá cerca de duas pessoas em idade ativa para cada idoso de 65 anos ou mais.
A aposentadoria por tempo de contribuição, sem exigência de idade mínima, é rara no cenário internacional. Apenas o Brasil e mais outros 12 países, a maior parte árabes, de um total de 117 nações, adotam esse tipo de benefício, segundo dados da Associação Internacional de Seguridade Social (AISS). Cinco desses 13 países impedem o acúmulo do benefício previdenciário com rendimentos de trabalho e 12 deles adotam regras de redução do valor de benefício para aposentadorias precoces.

OUTRAS MÍDIAS


JORNAL FLORIPA (SC)


Cunha deixará casa oficial e usará apartamento funcional enquanto for deputado

Beto Mansur ressaltou a importância de Eduardo Cunha desocupar a residência oficial da Presidência da Câmara
A Mesa Diretora da Câmara dos Deputados revogou, nesta quinta-feira (21), ato que garantia ao deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) as prerrogativas às quais tinha direito durante o período em que era presidente da Casa e estava afastado do cargo, como uso de residência oficial, carro, seguranças e avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Enquanto for deputado, ele terá direito a morar em um apartamento funcional, como todos os outros parlamentares. De acordo com o 1º Secretário da Câmara, deputado Beto Mansur (PRB-SP), há informações de que Cunha deixará a residência oficial da Presidência até o fim desta semana.
Eduardo Cunha foi afastado do mandato e da Presidência da Câmara por decisão unânime do Supremo Tribunal Federal (STF) em maio. Dois meses depois, no dia 7 de julho, renunciou ao cargo de presidente da Casa. Beto Mansur acredita que a cassação ou não de Cunha do mandato de deputado será decidida pelo Plenário possivelmente no dia 9 de agosto. A cassação foi recomendada pelo Conselho de Ética e Decoro Parlamentar .
Em entrevista coletiva, Beto Mansur explicou a decisão desta quinta-feira da Mesa Diretora. Segundo ele, diante da excepcionalidade da decisão do STF – jamais aconteceu antes um afastamento de presidente da Câmara por ordem judicial —, a Mesa havia produzido um ato anterior, o de número 88, análogo ao que foi feito pelo Senado para dar condições de a presidente Dilma Rousseff continuar no Palácio da Alvorada com assessores e seguranças durante o seu processo de impeachment.
“Houve uma simetria, porque Cunha também era chefe de um dos Poderes da República”, lembrou Mansur. “Agora, apenas excluímos da resolução anterior as prerrogativas da Presidência. Automaticamente se produziu um novo ato, segundo o qual o deputado Eduardo Cunha terá direito a um apartamento funcional, como todos os outros parlamentares. Ele tem mandato. Enquanto ele for deputado, a resolução é correta”, disse.
Mansur ressaltou a importância de Cunha deixar logo a residência oficial para que a Câmara retome a sua normalidade: “Não é pura e simplesmente uma moradia do presidente da Câmara; é uma casa de encontro com as lideranças e autoridades, de almoços para discutir projetos, e tudo isso vem sendo feito no gabinete ou na casa de algum parlamentar. A liberação dessa moradia é importante para que possamos ter tranquilidade.”
Perda de benefícios
O 1º secretário frisou que Cunha perdeu todas as prerrogativas que tinha como presidente da Casa. “Ele também já não tinha a cota da atividade parlamentar, porque está afastado dela por decisão do Supremo. O que ele mantém como parlamentar afastado, e é muito parecido com um desembargador, juiz ou promotor afastado, é o subsídio, porque está afastado liminarmente”, explicou.
Futura regulamentação
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse que a Casa poderá produzir, em conjunto com o STF ou por decisão própria, uma regulamentação para agir em eventuais futuras situações como a de Cunha. “Como foi uma decisão extraordinária do Supremo, e o próprio Supremo não determinou que a Câmara chamasse um suplente [quando Cunha foi afastado], ficou um vácuo. Então, estamos pensando com calma, juridicamente, se cabe alguma regulamentação. Temos que definir uma regra específica e clara para qualquer caso, para que não fique uma coisa para A, B ou C”, avaliou.
Beto Mansur acrescentou que próprio ministro Teori Zavascki reconheceu, ao pedir o afastamento de Cunha, que essa era uma medida excepcionalíssima. “Não houve determinação, por parte do Supremo, sobre maneira específica em que ele está afastado. Vamos produzir um ato para regulamentar, para preservar a Casa numa eventualidade. Estamos tomando muito cuidado na questão jurídica para não ferir uma decisão da Suprema Corte. Não se trata da pessoa de Eduardo Cunha, mas da instituição Câmara dos Deputados”, concluiu Beto Mansur.

PORTAL AZ


O ministro da Defesa, Raul Jungmann, recebeu na última semana, um documento que propõe a instalação de um novo Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA) em área próxima ao Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão, com a criação de um curso de engenharia aeroespacial.
O documento foi entregue pelo ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho e pelo deputado federal, José Reinaldo. “Recebemos a proposta e juntamente com o brigadeiro Rossato [comandante da Aeronáutica] vamos analisar para verificar a viabilidade. Vamos dar uma resposta o mais breve possível”, disse o ministro da Defesa.
De acordo com o deputado José Reinaldo, o pleito é positivo devido à proximidade do CLA com relação a linha do Equador. “Isso possibilita uma economia de cerca de 30% em cada lançamento e também o CLA poderá, com seu grande potencial, atrair empresas e países interessados na utilização do local”, afirmou.
O curso de engenharia aeroespacial contaria com a participação da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Professores maranhenses irão visitar as instalações do ITA na cidade de São José dos Campos (SP) e conhecer a dinâmica do curso. De acordo com José Reinaldo, a proposta deve ser avaliada para que a realização do primeiro vestibular ocorra em 2017.
O complexo tecnológico deverá ter laboratórios de empresas privadas e instalações de moradia para alunos e professores, além de gerar emprego na região.

JORNAL PERISCÓPIO (SP)


Moradores de Itu se assustam com forte barulho de origem desconhecida

Estrondo foi ouvido na tarde de quinta-feira em diferentes bairros da cidade. Munícipes repercutiram o assunto nas redes sociais
Um forte barulho causou susto e preocupação em moradores de alguns bairros de Itu na tarde da última quinta-feira (28). A mesma situação foi relatada em determinadas vizinhanças de municípios próximos, como Sorocaba, Salto de Pirapora e Araçoiaba da Serra. Entretanto, não houve nenhum registro de acidente ou estrago na região.
Em relatos publicados no Facebook, residentes de Itu descreveram a situação ocorrida por volta das 15h. “Aqui em casa, no Potiguara, ouvi o barulho de um forte trovão. Sai no quintal para olhar o céu, mas não tinha nenhuma nuvem. O barulho foi bem forte”, comentou uma moradora.
Outra munícipe, do bairro Jardim Aeroporto, vizinhança distante do Potiguara, também publicou comentários nas redes sociais sobre o estrondo. “No Aeroporto ouvi um barulho que parecia um trovão. Parei pra ouvir, mas foi só uma vez e bem distante”, relatou.
Ao portal de notícias G1, o Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB) confirmou o registro de dois eventos: às 14h54, de 1,7 magnitude, e outro às 15h07, de grau 2 de magnitude.
No Facebook, outro morador de Itu relacionou os barulhos com um possível treinamento de dois caças da Força Aérea Brasileira (FAB) sobre a cidade. “A alta velocidade com que passaram causou um som parecido com uma forte explosão e um certo tremor. Pode ser que isto seja o motivo”, cogitou.
Questionada pelo “Periscópio”, a FAB informou que não registrou nenhuma alteração no espaço aéreo da região, mas que irá continuar apurando.

BLOG FELIPE VIEIRA (RS)


Justiça aceita denúncia contra agente da EPTC que mirou laser contra helicópteros em Porto Alegre

Eduardo Paganella/Rádio Guaíba
A Justiça acolheu denúncia oferecida pelo Ministério Público do Estado contra um agente da EPTC suspeito de mirar um laser contra um helicóptero da Brigada Militar (BM) em Porto Alegre durante uma manifestação. O caso ocorreu em abril deste ano, quando o servidor, em seu horário de folga, subiu ao terraço de seu prédio e mirou a luz contra a aeronave da BM que monitorava uma mobilização. Um outro helicóptero chegou a ser acionado para auxiliar na manobra e também teria sido alvo da luz.
O agente responderá pelo crime previsto no artigo 261 do Código Penal, que considera crime expor a perigo embarcação ou aeronave, própria ou alheia, ou praticar qualquer ato tendente a impedir ou dificultar navegação marítima, fluvial ou aérea. A pena varia entre dois e cinco anos, mas pode aumentar, pois a ação foi praticada contra dois helicópteros.
A Polícia Civil concluiu o inquérito no final do mês de junho e chegou a indiciar o agente por tentativa de homicídio. No entanto, o Ministério Público descartou esta proposição.
Conforme a investigação, o homem já lançou o laser contra helicópteros em várias oportunidades. No entanto, em 17 abril deste ano, um dos pilotos da Brigada Militar foi prejudicado após a luz atingir seus olhos, provocando o risco de acidente. O homem foi flagrado por aeronaves no terraço do seu edifício.
Após investigação, a Polícia Civil identificou e prendeu o suspeito. Na residência do homem, foram encontrados dispositivos de laser. A EPTC só deve se posicionar sobre o tema após o final do processo judicial.

AVIATION ANALYSIS


KC-390 demonstrated high maturity during international debut 



The first prototype of Embraer KC-390 military transport plane arrived back in Brazil after making international debut at the concluded Farnbourgh Air Show in UK and completing demonstration flights to its potential customers.
The first international mission lasted 23 days, covering 16,300 nautical miles (about 30,200 kilometers) flying for more than 48 hours.
Embraer says the aircraft demonstrated high level of maturity during the 16 flights, with availability reaching 100 percent, which also included operating from locations with temperature of 45° C (113° F).
The aircraft flew to Sal (Cape Verde), Alverca (Portugal) Odolena Voda (Czech Republic), Cairo (Egypt), Abu Dhabi (United Arab Emirates) and Malta for customer demonstrations.
“This was an excellent opportunity for some customers to take a closer look at the aircraft and its innovative features. The interest around the KC-390 during the Farnborough Airshow was fantastic, with the aircraft being visited by more than 20 international delegations”, said Jackson Schneider, President and CEO of Embraer Defense and Security.
“The positive reaction from potential customers who piloted the aircraft was of great pride for the company and its employees because the plane effectively demonstrated its versatility by fully adapting to the particular characteristics of each operation. We are very optimistic about the success of the KC-390 in the coming years. Since first flight in Feb 2015, the two KC-390 prototypes have accumulated more than 400 flight test hours.
The multi mission aircraft is capable of transporting troops, cargo and can also perform aerial refueling missions. Certification is expected for the second half of 2017 with the first delivery to Brazilian Air Force scheduled for 2018.
Powered by two IAE V-2500 turbofan engines, the KC-390 can carry 23 tons of payload including wheeled infantry fighting vehicle to a distance of 1700 miles.
Embraer has received 60 commitments from 6 customers, Argentina (6), Brazil (28), Chile (6), Colombia (12), the Czech Republic (2), and Portugal (6).



Leia também:









Receba as Últimas Notícias por e-mail, RSS,
Twitter ou Facebook


Entre aqui o seu endereço de e-mail:

___

Assine o RSS feed

Siga-nos no e

Dúvidas? Clique aqui




◄ Compartilhe esta notícia!

Bookmark and Share



Eventos






Publicidade






Recently Added

Recently Commented