|

Delta introduz maiores exigências para clientes que viajam com animais de serviço ou assistência a partir de 1º de março



Delta introduz maiores exigências para clientes que viajam com animais de serviço ou assistência a partir de 1º de março ...  


Dublin & New York, Janeiro de 2018 - A Delta Air Lines está adotando medidas para proteger ainda mais os seus clientes, colaboradores e animais de serviço e assistência, por meio da implementação de requisitos de documentação antecipada para esses animais. Isto é resultado de uma falta de regulamentação que levou a sérios riscos de segurança envolvendo animais não treinados em voo. Os novos requisitos reforçam a prioridade máxima da Delta de garantir a segurança de seus clientes, colaboradores e animais de serviço e assistência, ao mesmo tempo em que apoia os direitos de clientes com necessidades legítimas, como os veteranos de guerra com deficiência, para viajar com animais treinados.

A Delta transporta aproximadamente 700 animais de serviço e assistência diariamente – quase 250 mil por ano. 

Colocando isso em perspectiva, a Delta transporta mais de 180 milhões de passageiros por ano. Alguns clientes já tentaram voar com perus, petauros gigantes conhecidos como petauros de açúcar, cobras, aranhas, entre outros, para ajuda psicológica. Ignorar a verdadeira intenção das regras existentes que regem o transporte de animais de serviço e assistência pode ser um desserviço para clientes que possuem necessidades reais e documentadas. A Delta viu um aumento de 84% nos incidentes com animais relatados desde 2016, incluindo micção/defecação, mordidas e até mesmo um ataque amplamente divulgado por um cão de quase 32 quilos. Em 2017, os colaboradores da Delta informaram um aumento nos atos de agressão (latidos, rosnados, ataques e mordidas) dos animais de serviço e assistência, comportamento que normalmente não é visto nesses animais quando são treinados adequadamente.
Novos procedimentos e requisitos atualizados

Em conformidade com o Air Carrier Access Act (Lei de Acesso em Transporte Aéreo), a Delta oferece viagens na cabine para animais de serviço e assistência sem custo. As diretrizes, em vigor a partir de 1º de março, exigem que todos os clientes que viajam com um animal de serviço e assistência apresentem atestados de saúde ou vacinação com 48 horas de antecedência. Além do requisito atual de uma carta preparada e assinada por um médico ou profissional de saúde mental credenciado, as pessoas acompanhadas de animais de serviço psiquiátrico e animais de assistência psicológica também precisarão fornecer um documento assinado que confirme que seu animal pode se comportar para evitar que animais domésticos não treinados, às vezes agressivos, viajem sem caixa de transporte. 

Essas medidas têm como objetivo ajudar a garantir que os clientes que viajam com um animal de serviço ou assistência treinado não corram mais o risco de terem seus animais de serviço atacados por animais de estimação não treinados, como já foi relatado.

"O aumento de incidentes sérios que envolvem animais em voo nos leva a acreditar que a falta de regulamentação para a triagem de saúde e treinamento desses animais está criando condições inseguras em viagens aéreas nos Estados Unidos", disse John Laughter, vice-presidente sênior da Delta – Segurança Corporativa, Proteção e Compliance. "Como líder em segurança, trabalhamos com o nosso Conselho Consultivo sobre Deficiências para encontrar uma solução que ofereça apoio a clientes com uma necessidade legítima desses animais, ao mesmo tempo priorizando uma experiência de viagem segura e consistente".

Ao desenvolver os requisitos atualizados, a Delta solicitou o feedback e a contribuição de seu Conselho Consultivo sobre Deficiências composto por 15 membros, um grupo de defesa das pessoas com deficiência instituído há mais de uma década e formado por vários passageiros frequentes da Delta com uma série de deficiências.

Lei de Acesso em Transporte Aéreo
Como o Código de Direito do Título 14 § 382.117 determina: "você deve permitir que o animal de serviço acompanhe o passageiro com uma deficiência em qualquer lugar em que o passageiro se sentar, a menos que o animal obstrua um corredor ou outra área que deve permanecer desobstruída para facilitar a evacuação de emergência". No entanto, normalmente há relatos de animais não treinados que foram identificados erroneamente como animais de serviço e assistência ocupando assentos, deitados nos corredores e se deslocando por toda a cabine durante o voo, muitas vezes sem restrições. Esse mesmo regulamento também exige que as companhias aéreas determinem se algum fator impede a viagem na cabine por um animal de serviço. Tais fatores incluem: "se o animal representar uma ameaça direta para a saúde ou a segurança de outros" e "se isso causar um transtorno significativo do serviço de cabine".

"Estamos empenhados em melhorar consistentemente nossas políticas, priorizando a segurança de todos os clientes e colaboradores da Delta", disse Laughter. "Recebemos amplo feedback dos clientes por meio de telefonemas, e-mails e postagens em rede sociais – muitos deles de membros da comunidade de pessoas com deficiência – pedindo que a Delta tome medidas. Esta nova política é o nosso primeiro passo para proteger melhor aqueles que voam com a Delta com um processo de triagem mais criterioso".

O que os clientes com animais de serviço e assistência precisam saber
Qualquer cliente que viaje com um animal de serviço e assistência em/após 1º de março precisará atender aos novos requisitos conforme descritos abaixo:

Viagem com um animal de serviço treinado
  • Os clientes que viajam com um animal de serviço treinado serão obrigados a enviar um Formulário de Saúde Veterinária assinado e/ou um registro de vacinação (atual com até um ano a partir da data de viagem) do seu animal, para o Serviço de Atendimento ao Cliente para Animais de Serviço e Assistência da Delta, pelo website Delta.com, pelo menos 48 horas antes da viagem.
Viagem com um animal de assistência psicológica ou psiquiátrica
  • Os clientes que viajam com um animal de apoio emocional ou um animal de assistência psiquiátrica serão obrigados a enviar um Formulário de Saúde Veterinária assinado e/ou um registro de vacinação (atual com até um ano a partir da data de viagem), um formulário de Solicitação de Animal de Assistência Psicológica/Psiquiátrica que requer uma carta preparada e assinada por um médico ou profissional de saúde mental credenciado, e um formulário assinado de confirmação de treinamento do animal para o Serviço de Atendimento ao Cliente para Animais de Serviço e Assistência da Delta, pelo website Delta.com, pelo menos 48 horas antes da viagem.
A Delta está criando um Atendimento ao Cliente para Animais de Serviço e Assistência para clientes que viajam com animais de serviço e assistência para melhorar sua experiência de viagem e garantir que recebam atendimento ao cliente de excelente qualidade. Este atendimento irá verificar se a documentação acima foi recebida e confirmar a reserva do cliente para viajar com o animal, antes da chegada ao aeroporto. Se um formulário não estiver completo, um representante se comunicará com o cliente por e-mail para solicitar os itens em falta ou incompletos.

A Delta não aceita animais de serviço ou assistência exóticos ou incomuns. Informações adicionais sobre tipos de animais aceitos e outras questões relacionadas a viagens com animais de serviço e assistência estão disponíveis aqui


Sobre a Delta Air Lines
A Delta Air Lines está trabalhando para ser a melhor companhia aérea dos EUA na América Latina e no Caribe. Ela foi homenageada com cinco World Travel Awards em 2017 nas categorias de Melhor Companhia Aérea da América do Norte e Melhor Companhia Aérea dos Estados Unidos para a América Central, para a América do Sul, para o Caribe e para o México pelo terceiro ano consecutivo. A Delta também foi reconhecida com o prêmio Insignia Latam Excellence de 2016 da LADEVI por seu serviço na região. A Delta prossegue seu processo de crescimento na América Latina ao estabelecer uma aliança de longo prazo exclusiva com a GOL Linhas Aéreas Inteligentes, Aeroméxico e a Aerolíneas Argentinas, e está comprometida em construir uma forte presença regional para aprimorar a sua rede global e oferecer a melhor experiência para os seus clientes. A Delta disponibiliza serviços para 31 países e 52 destinos na região, oferecendo acima de 1.600 voos semanais entre os EUA e a América Latina/Caribe. A Delta oferece aos seus clientes assistência em tempo real, em espanhol e português, pelo Twitter @DeltaAssist_ES e @DeltaAjuda das 9h00 às 19h00. Os clientes brasileiros podem acessar a página do Facebook da Delta dedicada ao Brasil, por meio do link: http://www.facebook.com/DeltaAirLinesBrasil.

A Delta Air Lines serve a mais de 180 milhões de passageiros por ano. Em 2017, A Delta foi incluída no top 50 da edição 2014 da "Lista de Empresas Mais Admiradas do Mundo" da revista Fortune, bem como nomeada a companhia aérea mais admirada pela sexta vez em sete anos. Além disso, a Delta foi eleita como a empresa aérea número um na pesquisa Business Travel News pelo sétimo ano consecutivo, sendo a primeira companhia aérea no topo do ranking. A Delta e as linhas que compõem a Delta Connection oferecem serviços para 314 destinos, em 54 países, em seis continentes. Com sede em Atlanta, a Delta emprega mais de 80.000 pessoas no mundo e opera uma frota com mais de 800 aeronaves. Membro fundador da aliança global SkyTeam, a Delta participa da aliança transatlântica líder da indústria com a Air France-KLM e Alitalia, bem como uma joint venture com a Virgin Atlantic. Incluindo seus parceiros mundiais, a Delta oferece aos seus clientes mais de 15.000 voos diários, com importantes hubs e mercados incluindo Amsterdam, Atlanta, Boston, Detroit, Los Angeles, Cidade do México, Minneapolis-St. Paul, Nova York-JFK, Nova York-LaGuardia, Londres-Heathrow, Paris-Charles de Gaulle, Salt Lake City, São Paulo, Seattle, Seul e Tokio-Narita. A Delta está investindo bilhões de dólares em aeroportos e produtos, serviços e tecnologia para aprimorar a experiência de viagem de seus clientes no céu e no solo. Mais informações estão disponíveis em Delta News Hub e em site delta.com, no Twitter @DeltaNewsHub, em Google.com/+Delta, em facebook.com/delta e em blog do Delta takingoff.delta.com.


Leia também:









Receba as Últimas Notícias por e-mail, RSS,
Twitter ou Facebook


Entre aqui o seu endereço de e-mail:

___

Assine o RSS feed

Siga-nos no e

Dúvidas? Clique aqui




◄ Compartilhe esta notícia!

Bookmark and Share



Eventos






Publicidade






Recently Added

Recently Commented